Total de visualizações de página

sexta-feira, 20 de novembro de 2015

Louvor em Bronze pelo "Apogeu Poético"



Parabéns poeta José Leite Guerra!
Receba os cumprimentos de todos os membros da AVL
Nós o saudamos e cumprimentamos respeitosamente, pelo excelente 
desempenho nos trabalhos apresentados!Parabéns!


APOGEU POÉTICO MODERNO
Tema: Causas Sociais
Homenageando o poeta ANTONIO ALEIXO, Patrono da AVL
Patrono: MANOEL DE BARROS
Acadêmico: José Leite Guerra
Cadeira: 05
pense
pense no arrulhar
do pássaro cativo
em seu esvoaçar retido
na limitação e ausente
paragem por onde voaria
se lhe dessem tempo
de sair da cela gaiola
pense no encardido
homem: alma cerzida 
remendos franzidos
vestido por fora
e nu por dentro
sem rumo, assento
vagante em si ausente
do próprio centro
a rumar sem tino
imitação de gente
perdido no destino
pense na solteira
mãe de filhos soltos
na monótona soleira
de fome e tortos
olhares e olheiras
nada no fogo ferve
para o almoço
posto que o bolso
vazio de notas
moedas é um poço
de miséria sobroço
onde a fome impera
pense na luz finita
do poste na rua triste
a lâmpada apaga
ainda mais a noite
ninguém acerta
caminhar na certa
direção fora de meta
ninguém se afaga
na réstea clara
vai vem ou fica
em tropeços naturais
de quem não enxerga
pense na mísera comida
fatiada entre a família
no pão mal dividido
e nas roupas em frangalhos
nos mocambos encharcados
palafitas, casas ruídas
pela enchente incontrolada
futuro em nuvem de chumbo
horizontes decepados
(seres humanos usados
pelos sistemas atrozes
em pedras preciosas atulhados)
naqueles que serão vítimas
nas masmorras do futuro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário