Total de visualizações de página

segunda-feira, 30 de maio de 2016

Apogeu poético moderno Tema: Liberdade **By**Acadêmico: Elias Torres






Apogeu poético moderno
Tema: Liberdade

Patrono: Graciliano Ramos
Acadêmico: Elias Torres
Cadeira: 11

Liberdade


Liberdade é um pássaro que sobrevoa o céu do meu ser. É cantiga de ninar que me faz adormecer. Liberdade é a maior conquista de todos os seres. É culpada da qualidade em meus afazeres.

Liberdade! Como é prazeroso escrever ou falar esse nome. Quem a vive sabe que só a vontade de tê-la é que a consome. Liberdade é um grito no escuro ecoando felicidade e gozo no futuro.

Liberdade é uma criança que reina, canta, corre e não vê o tempo passar. É a ausência de amordaças, trincos, celas e algemas. Liberdade é uma força que leva a qualquer sistema.

Liberdade é a dança que me faz bailar com seu compasso. É a alegria de ficar preso em seu abraço. Liberdade é que me faz escalar seus montes saciando minha sede na sua deliciosa fonte.

Liberdade são cores entrando em ação. É o anseio dos prisioneiros e também dos que promovem a pacificação. Liberdade são palavras de ordem denunciando e de bandeiras tremulando.

Dom Pedro gritou pela independência. A Lei mais esperada a princesa assinou, daí plantas e ervas viraram remédios; a feijoada recebeu assédio; a capoeira gingou liberdade e a ama - de – leite fez crescer a irmandade. Elias Torres

Nenhum comentário:

Postar um comentário