Total de visualizações de página

terça-feira, 11 de abril de 2017

DE TODOS OS MEMBROS AVL,PARA NOSSA QUERIDA PRESIDENTE


O que dizer de uma fortaleza? Sangue e lágrimas lavam o limbo das pedras e ela continua lá. Protetora da poesia, bálsamo para alma dos poetas... Ao longe, seu olhar busca o tempo da janela sem cortinas, de onde observa e comanda cada verso, cada poeta que vislumbra pela janela da magia e faz multiplicar o tempo.

Olha atentamente até ver o brilho das estrelas poetas e poemas. Então, sempre com uma palavra de carinho dirigida a cada um, vê-se a sorrir para a lua que, pela janela espreita,num tímido raio prateado e deixa entrar um lindo e faceiro raio de luz. Não a luz moribunda de um lampião que agoniza ao longe, mas a luz do emocionante poema, do poeta apaixonado, da poesia enamorada.

Só temos a dizer: - Te admiramos poetisa e amiga, Maria Ivoneide de Melo




Não gostaria... de te esquecer!

Prometo ...
te esquecer
não o desejo
as algemas do querer
fatigam
aceleram demasiadamente
o coração
libera desmesuradamente
morfina
endorfina, adrenalina
suores e odores
apressa
viagem no tempo
sem tempo
pra ficar...
certamente esse
dia chegará...
anuviará sentimentos
sentirás minha falta
Viverás dias de angústias
buscarás no meu pensamento
o teu aconchego
e não mais lá estarás.
Prometo ...


Maria Ivoneide J de Melo.







FELIZ NAVEGAR
No rosto vincado por gota salgada,
Senhora do tempo preciosa e inquieta, 
Ao rumo dos sonhos navega encantada,
Carrega no barco o valor do poeta, 

Qual vento veloz faz a onda nascer, 
E rema submersa aos açoites mais duros, 
C’a força da alma faz acontecer, 
E’vita que o verso se entalhe no impuro.

E quando o sol foge em cruel negativa, 
E o barco parece dançar a deriva,
Retoma com garra o feliz navegar. 

E assim a viagem percorre na glória, 
Bordada com ouro da grande vitória, 
Cunhada nas linhas do seu verbo amar

De Elair Cabral, em nome de todos os Confrades e Confreiras AVL, para nossa doce e querida presidente Maria Ivoneide Juvino de Melo - Te amamos




Mimos
_Amado, quem és ?
_Podes dizer-me ?
_Sim , com prazer !
Sou quem te almeja
amante dos teus carinhos
que faz a estrela invejar a lu a
a maré o mar
és brisa dos enamorados                                                                                      
és meu encanto
do meu coração perfuma m'alma
dá beleza aos campos
_ahhh
_Assim fico dengosa
querendo colo e teus beijos
e tantos mais !


Maria Ivoneide Juvino de melo





Imergiu-se no mar eu ainda nele !

Irrequieto devaneio na lucidez

coração lampeja versos de amor...
um rogo num sussurro, sôfrego
roga-me ...
apetece-me esquecê-lo ?

Carinhos bobos beijos acesos 

no fogo da paixão ...

excede odores marcantes 

a avassaladora paixão que teima

não terminar ...

Apetece-me esquecer quem fez-se mar

e no (a)mar desaguou na imensidão

além mar e se perdeu de mim ...ainda eu nele ?!

Maria Ivoneide Juvino de Melo










Ode ao crepúsculo

Menina dócil no corpo de mulher,

crepuscula o horizonte

encontra-se no linear da inocência

do olhar felino sobeja magia


entremeia o rosa e a vida 

tensa é densa

presume o amanhecer

do cordel faz o viver

do versar seu alimento

do mistério goza paixões

que deslizam generosamente

escorregam para dá voz ao coração!

Maria Ivoneide J de Melo.







OBRIGADA POR TUDO

NÓS TE AMAMOS MARIA IVONEIDE JUVINO DE MELO


































6 comentários:

  1. Que linda e muito merecida Homenagem !!!!! http://gifsanimados.de/img-gifsanimados.de/a/aplausos/aplausos-19.gif

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa atrde, grande poeta! Obrigada pela presença ao nosso blog! Aplausos à nossa Presidente e aos seus poetas!

      Excluir
  2. Parabéns, Maria Ivoneide Juvino de Melo. Muito bonita e merecida homenagem.

    ResponderExcluir
  3. Belíssima e merecida homenagem! Parabéns aos que dela fizeram brilhar ainda mais a poesia!

    ResponderExcluir
  4. Belíssima e merecida homenagem! Parabéns aos que dela fizeram brilhar ainda mais a poesia!

    ResponderExcluir