Homenagens e Cartões

Total de visualizações de página

segunda-feira, 21 de março de 2016

Aniversário primeiro Ano da *AVL* Por Djalma Pinheiro


Academia Virtual de letras tem a grata satisfação de conceder Honra ao Mérito ao poeta Djalma Pinheiro pelas atividades acadêmicas desenvolvidas no ano de 2015 no qual reconhece sua sapiência e habilidade conduzindo o deleite da leitura para elevar ao êxtase de todas as nobres sensações que chegam ao leitor através da maravilhosa arte da escrita. Mérito Louvável .
Maria Ivoneide Juvino de Melo.
Presidente 
AVL.
Maceió , 07 de Março de 2016














Patrono: Vinicius de Moraes
Acadêmico: Djalma Pinheiro..
Cadeira : 13...

Mesmo estando de licença, entendi que não poderia deixar passar em branco este meu dia de postagem quando se enaltece esta que para mim é um marco na literatura mundial. A AVL – Academia Virtual de Letras.


Sei que sou um ser que na maioria das vezes explosivo, uns dizem ser defeito e outros me enaltecem por isso, mas de uma coisa tenho certeza eu falo o que penso e com o coração gosto desta minha transparência.

E é com esta mesma transparência ao ser convidado em pela minha amiga Elair Cabral em junho passado, para ser um acadêmico, demorei a dar a ela uma resposta, depois de muito relutar, aceitei papear com a presidente Ivoneide, alguém que Elair muito elogiou e assim conheci este ser iluminado que logo nas primeiras linhas me conquistou e olha que aceitei papear para não ser descortês com minha amiga Elair.

Vi-me assim então entusiasmado e de alguma forma tentar ajudar a saga desta grande mulher que é a presidente Ivoneide a levar a AVL em frente e me envolvi cada vez mais tamanha era e ainda é a minha visão de que se esta fazendo história na literatura mundial, haja visto que estamos alojado no mundo virtual e somos uma academia virtual, neste novo mundo, novo sim, pois a net é um mundo a parte, uma versão moderna da Torre de Babel, que mesmo com todas as suas línguas diversas, temos sempre como nos entender, graças à tecnologia disponível de traduções.

Portanto confrades e confreiras, xiii, acho meio sinistro falar assim, prefiro poetas e poetisas... rsrs Sou meio simples como meus humildes escritos, que me perdoem. Mesmo sabendo não ser um poeta, estou poeta, sou sim com muita honra um escritor de contos, romances, crônicas e outros escritos fico grato em estar tendo a oportunidade e a honra de ter sido aceito como um soldado da AVL que muitas vezes parece ser duro, mas não arrogante e sim sincero. O brigado presidente Ivoneide, obrigado aos maus pares, poetas e poetisas e a todos que estão nesta trincheira literária. QUE VIVA A AVL – ACADEMIA VIRTUAL DE LETRAS.






Nenhum comentário:

Postar um comentário