Homenagens e Cartões

Total de visualizações de página

sexta-feira, 24 de fevereiro de 2017

Apogeu Poético Festivo
18 de fevereiro Aniversário de Antonio Aleixo Patrono AVL

Patrono : Manoel de Barros
Acadêmico: José Leite Guerra
Cadeira: 05


HOMENAGEM AO POETA ANTONIO ALEIXO (118 ANOS DE SEU NASCIMENTO)

GLOSA AO POETA ANTONIO ALEIXO

“O luxo valor não tem
Nos que nascem pra pequenos
Os pobres sentem-se bem
Com mais pão e luxo menos”

Pobres não são aqueles
Despossuídos de vintém
Mas os que sendo ricos
Deixam de fazer o bem

Existem vis milionários
Que gastam as fortunas
Em farras de consumo
Sendo loucos perdulários

Os pobres se acostumam
A conter magros salários
Para terem o pão, comida
Garantida cada mês

Os ricos inconformados
Juntam bens aos bens
Que lhes são desnecessários
Fúteis nada os sacia

Os pobres, a cada dia,
Saem à humilde labuta
Sabem o que é a luta
Honesta para a vida

Mergulhados em luxos
Os ricos se enfeitiçam
Com brilhante fantasia
E se vestem de bruxos

Os pobres vivem bem
Porque a ambição,
Cobiça eles não têm
Porém bom coração

Eles se sentem pequenos,
Livres de vãos tormentos
O mais se torna menos
Sem perder os valimentos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário