Homenagens e Cartões

Total de visualizações de página

quinta-feira, 9 de março de 2017



Apogeu poético Festivo

(parabéns avl por mais uma data)

Patrono;Almir Garrett.
Acadêmico; Nillo Costa.
Cadeira; 09.


PARABÉNS POESIA

É tão triste a poesia e a vida
o que mais dizer se não sonhar.
É melhor sentir o momento,
disfarçar a vida,e tentar te amar.

Metade de mim é um poema triste
na falta de você que não quer me vê.
Sou um verso sem rimas e sem sentido
mais sou a poesia que te quer esquecer.

Sem rimas sou uma folha em branco
um texto feito no escuro na madrugada.
um conto de amor inacabado e rabiscado
sou um poeta triste vivendo na estrada.

Mais o que dizer se quando
eu chegar e ver lagrimas em seu olhar.
Vou dizer em versos lindos,parabéns poesia,
por tantas vezes de amor me fazer chorar.

Mesmo arrancando de mim 
esse coração que sofreu maus de um amor.
Não esquecerei o que me fez sofrer assim,
mais,sua imagem sera minha eterna dor.

_____Nillo Sergio.
@PoetaDoBalcao.

Nenhum comentário:

Postar um comentário