Total de visualizações de página

quinta-feira, 9 de março de 2017






Apogeu Festivo Comemorando o ll Ano da Academia virtual de Letras AVL

Patrono Vinicius de Moraes 
Acadêmica Luiza Senis 
Cadeira 03


Me jogo no verso.

Do alto vejo minha poesia
Clara como a luz do dia
Instrumental como uma
sinfonia experimental .

Imagens distorcidas revi
Sopro morno a brisa trás 
Tenho medo do próximo
segundo ...

A vida me convidou
Me jogo no verso, nada 
espero 
O que vier aceito sem 
murmurar.

Poeticamente me reconheço, 
pois revi meus baús e recordei 
era a mesma grafia, exalando
poesia ...





Refazendo a poesia.

Tal qual um artesão moldo
com maestria a poesia

Ela aceita ser moldada
Não se faz de rogada

É preciso cuidado o verso
pode não estar do seu lado

Trate com respeito e carinho
Refaça se preciso for, em nome
do amor.

Luizaluzsenis Senis
Direitos Preservados 
São Paulo / Brasil /

Nenhum comentário:

Postar um comentário