Total de visualizações de página

quarta-feira, 1 de março de 2017


AVL e os dezesseis mil e dez apaixonados pela deusa das deusas, durante todo o dia de hoje, celebram o aniversário de dois anos de atividades acadêmicas revisitando os escritos da poetisa AVL Cris Lombardi e dos seu patrono o escritor Fabricio Carpinejer!

HESITAÇÃO

ele tinha o dom de desaparecer
talvez algo entre nós pudesse acontecer
talvez de uma vez ele quisesse me esquecer
talvez ele quisesse me acolher
talvez isso o inflamasse por dentro
talvez ele não quisesse dar o braço a torcer
ele sabia da minha vontade de viver
leu algumas páginas do meu sofrer
assim ele ia e vinha quase meio sem querer
ele fugia e tinha medo desse nosso querer
ele ouvia minhas queixas
ele sabia que em mim, também tinha uma gueixa
por trás da malcriada, eu só queria ser de verdade amada
sou como a força do mar, não há como me domar
ele sabia das minhas fases e do desejo desses dias, em que eu ficava entre o magenta e o vermelho
e que eu combinava as cores das peças íntimas, das unhas e dos amores
trocava o cor de rosa do meu íntimo purpurina, pela intimidade do vermelho adrenalina
no meu universo visionário, só era apaixonada mesmo pelo dicionário
pelas palavras eu era volúvel, ordinárias me seduziam, me envolviam, causavam tumulto
em mim ficava uma espécie de indulto
talvez eu devesse ser mais contida, com a vida menos atrevida
mas sou como a tempestade do amor na flor da idade
em meus ocultos carrego uma certa maldade adulta, e certas palavras incultas
talvez ele curta


CRIS LOMBARDI.




De um extraordinário veio poético, Cris Lombardi membro AVL nos brindam na cadeira virtual de Fabricio Carpinejer às sextas feiras postagem poéticas magníficas, apreciemos seus escritos como os do seu patrono!

CRAQUELADA

às vezes sinto-me
craquelada pela vida
meio partida
multiplicada em mil disfarces
em uma única face
sobrevivo
sigo
construo e reconstruo
meu mundo colorido



Fabricio Carpinejer!




 







Um comentário: