Homenagens e Cartões

Total de visualizações de página

segunda-feira, 25 de julho de 2016

Patrono:Alvares de Azevedo. Acadêmica: Elisabete Decoló. Meu Patrono visto por mim.


Exaltando os imortais,
Com dedicação a poesia.
Alvares de Azevedo, o poeta,
A mais pura sabedoria.

Tão jovem, ainda estudante,
Dedicou-se a escrever.
Com os mestres da literatura,
Conseguiu se entrever.

Conhecido como "Poeta da duvida"
Escrevia como sofredor.
Suas poesias relatam,
O seu mundo interior.

As vezes era irônico,
Um sentimento sobrenatural.
Com frustrações amorosas,
Ora mulher anjo, ora fatal.

Poema sobre o tédio da vida,
Relatava sobre a morte.
Mergulhava pra dentro de si,
Marcas de adolescência, a sorte.

Vivia a meio dos livros,
Muito dedicado a escrever.
Como escritor, e contista,
Deslumbrante, como se pode ler.

Versos sombrios, e cinzentos,
Também cultivou o humorismo.
Irreverente, em algumas poesias,
Marcadas pelo patriotismo.

Muito jovem foi sua morte,
Sua obras publicadas, postumamente.
Por excepcionais poetas,
Suas obras,viverá , eternamente.

Zabele Rosa.
15/07/2016.



Nenhum comentário:

Postar um comentário